Fat Gripz - Um novo acessório para incrementar seu treino de braços

10429379_747081878719224_3714500426938315636_n

De acordo com alguns estudos as barras mais grossas podem sim ser uma boa variação em relação às barras olímpicas e tradicionais. A idéia do fat gripz, que é um alargador(diâmetro de 2 a 2,5polegadas – 1polegada equivale a 2,54cm) para anexar às barras e deixá-las mais grossas seria melhorar a preensão/pegada por aumentar a atividade neural e força nos músculos das mãos e antebraços, por conta desse fortalecimento, preveniria tendinite e dores no cotovelo. Atletas de esportes que usam bastante o movimento de agarrar e pegada podem se beneficiar mais desse acessório como Kettlebell, basquete, handebol, tênis, golfe, dentre outros. O uso mais recomendado seria em exercícios de puxada e bíceps onde a musculatura do antebraçado seria maior recrutada, exercícios de empurrar, como supino até podem utilizar a barra mas não terão grandes diferenças de atividade neural na musculatura envolvida; embora o uso do fat gripz pode reduzir no valor de 1RM(carga máxima para uma única execução) como relata o estudo de Ratamess NA et al (2007), pela maior dificuldade que causa aos exercícios. Apesar de alguns estudos mostrarem o que foi descrito anteriormente, Fioranelli D et al (2008) obobservaram maior atividade eletromiográfica(EMG) na barra olimpica normal comparada com a barra mais grossa. Existem poucos estudos sobre a diferença de diâmetro da barra e suas implicações, e os resultados ainda são um tanto quanto controversos e vale que sejam feitos mais estudos para podemos de fato aprofundarmos seus efeitos.
Quero que saiba que a idéia em si de aumentar a grossura da barra parece interessante, pensando em recrutar mais a musculatura do punho e antebraço favorecendo uma pegada mais forte, o que é infelizmente muito esquecido no treinamento convencional, por isso, é importante que trabalhe o antebraço com exercícios de pegada inversa(como bíceps ou tríceps pegada invertida além de trabalho de punho, flexão e extensão, ou até mesmo com essas bolinhas de apertar(elas têm grossuras e resistências diferentes) para aliviar stress! Não esqueça que seu corpo é um conjunto e não deve ser priorizado apenas o que esteticamente “aparece mais” como peito, costas, ombros, tríceps e bíceps – no caso de membros superiores – quanto melhor for sua pegada, mais eficaz serão seus movimentos dos membros superiores, e por consequência aumentará as sobrecargas e aumentará as musculaturas que são já priorizadas, por isso é muito importante que trabalhe a musculatura do antebraço e punho, além de prevenir LER, tendinite, epicondilite, dentre outras lesões decorrentes da disfunção dessas musculaturas por vezes esquecidas na academia!
Sugestões de temas:ufrj@raquelreispersonal.com
www.raquelreispersonal.com
(21)921877380

Referências:
Fioranelli D1, Lee CM. The influence of bar diameter on neuromuscular strength and activation: inferences from an isometric unilateral bench press.J Strength Cond Res. 2008 May;22(3):661-6.
Nicholas Heyboer, Christian Leathley, & Matthew VanZytveld, Department of Kinesiology
Faculty Mentor: L. Maureen Dunn, PhD. The Effect of 4 Weeks of "Fat Gripz" on Grip Strength in Male Collegiate Athletes Hope exercise science College 2014

J Strength Cond Res. 2007 Feb;21(1):240-4.Acute muscular strength assessment using free weight bars of different thickness. Houve redução na carga de 1RM em diversos exercícios como levantamento terra,

Channell, Steve C.S.C.S. Equipment utilization: the fat bar. National Strength & Conditioning Association Journal:August 1990 - Volume 12 - Issue 4 - ppg 26-27

 

Todos os direitos reservados.

" Porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta vitória que vence o mundo: a nossa fé." ( 1Jo 5:4)

  Site Map